Notícias

12/11/2019

Cardiologia do Divina atrai paciente do maior estado do Brasil

Texto: Bruna Gandolfo/Foco Comunicação

José Maria Gimenez tinha um problema cardíaco e, mesmo em São Paulo, não encontrava um médico que aceitasse fazer a cirurgia que lhe salvaria a vida. Entre outras complicações, tinha uma obstrução grave na coronária direita. Foi quando, em uma reportagem, José ficou sabendo da técnica inovadora já praticada por um médico gaúcho, Dr. Alexandre Quadros, coordenador da Unidade Endovascular do Divina Providência.

Foi assim que, a mais de 1.000 km de casa, o procedimento foi feito e José começou uma vida nova. “ Hoje me sinto muito bem: menos cansaço, mais disposição, durmo melhor. Aos 56 anos, mudei de vida!”, conta.