Notícias

07/12/2022

RSDP lança manual sobre uso de plantas medicinais

“Saúde na horta: resgatando saberes” apresenta trabalho desenvolvido pela ATNC 1º de Maio

O uso de plantas medicinais é um dos saberes populares valorizados pelas Práticas Integrativas e Complementares em Saúde (PICS). A horta do Ambulatório de Terapias Naturais e Complementares (ATNC) 1º de Maio da Rede de Saúde da Divina Providência (RSDP) possui riqueza e diversidade de alimentos orgânicos, atualmente cultivados pelos funcionários. 


Desde 1997, a ATNC fomenta a cultura da utilização de chás e ervas. Essa prática está sendo difundida nas Unidades de Saúde (USs) administradas pela RSDP em Porto Alegre. Por meio do projeto Saúde na Horta, 8 USs construíram suas próprias hortas. Dois hospitais da RSDP também construíram suas próprias hortas: o Hospital Independência, em Porto Alegre, e o Hospital Santa Isabel, em Progresso. 


 A supervisora do ATNC 1º de Maio, Débora Arregui Risch, ressalta a importância da fitoterapia, que é a ciência que estuda as plantas medicinais e o uso das mesmas no tratamento de doenças.   


“A fitoterapia traz o resgate da cultura dos saberes populares, da ancestralidade. A partir disso, é possível fazer um diálogo sobre saúde por meio das plantas medicinais. Temos um guia bem completo que ajuda a nortear essa abordagem preventiva da saúde”, afirma.


Acesse o e-book “Saúde na horta: resgatando saberes”, da RSDP, e se aventure nesse mundo natural. 

Confira outras notícias

Doe Agora