Notícias

26/08/2020

Sua saúde mental em dia

Com dicas simples e mudanças de atitudes, você pode ter mais qualidade de vida, viver mais alegremente e em harmonia com as pessoas.

Texto: Lurdes Nascimento/Foco Comunicação

*Comece tendo horas de sono de qualidade e reserve momentos de descanso.

A correria diária, o acúmulo de tarefas, os compromissos assumidos, tudo contribui para um estilo de vida que não é saudável. Mas, mesmo com todas as obrigações diárias, é essencial respeitar o corpo e a mente. Então, cuide de seu sono. Conheça seu organismo e dê a ele, a quantidade de horas necessárias para descansa e se desconectar do mundo.

Antes de ir para a cama, “avise” seu corpo que está na hora de se deitar. Por exemplo, tome um banho quente, leia um livro, beba um chazinho. Com essa rotina, o cérebro entende que está na hora de reduzir suas atividades e se preparar para o sono. Não leve o celular para a cama.

*Chegou a hora de organizar o dia

Priorize as tarefas e atividades deste dia. As que precisam ser feitas nesta data e não podem ser adiadas. Assim, você não acumula tarefas e nem se frustra caso não dê conta de toda a sua lista.

*Não se torne refém do celular

Se usado de forma excessiva, o celular pode atrapalhar o seu dia. Se ficar muito tempo nas redes sociais, você pode começar a se sentir improdutivo no trabalho, gerando desânimo e preocupação com o que realmente deveria ter sido feito. E cuidado! Em excesso, pode virar um vício.

*Ame-se e curta sua  própria  companhia

Gostamos de estar com amigos, colegas  e familiares. Gostamos de compartilhar bons momentos com quem amamos, mas saiba aproveitar momentos só seus, onde você se basta!  Não condicione fazer atividades só na presença de outras pessoas. Isso vai causar ansiedade e pode ser ruim para sua saúde mental. Pratique um esporte, beba uma taça de vinho, prepare aquela refeição que você adora e se delicie ouvindo uma boa música. Dance, se tiver vontade!

*Compartilhe seus sentimentos

Nem sempre é fácil, mas procure aquela pessoa que , sendo próxima e amiga, vai ouvir sem julgar. Divida suas preocupações. Às vezes, quem está de fora, tem uma visão mais clara e imparcial da situação. Isso pode, inclusive, fortalecer seus relacionamentos, o que por si só já traz grandes benefícios à saúde mental. Mas, caso sinta necessidade, procure profissionais qualificados para ouvir seus sentimentos e ajudar a entendê-los.

Confira outras notícias