Notícias

15/05/2020

Heróis das histórias em quadrinhos reverenciam os verdadeiros heróis da vida

Texto: Lurdes Nascimento/Foco Comunicação

No dia do Enfermeiro, 12 de maio, o HE prestou uma linda homenagem aos enfermeiros, técnicos de enfermagem e a todos os profissionais que estão no front da guerra contra o coronavírus.

A infância e a adolescência de todos nós foram marcadas pela existência dos Super heróis, que saíram das histórias em quadrinhos e ganharam as telas do cinema. Eles são homens, mulheres e até um jovem, o Homem Aranha, que possuem super poderes, capazes de salvar a humanidade. Assim, os profissionais de saúde do Hospital Estrela (HE) foram surpreendidos ao entrarem no hospital e serem reverenciados pelos heróis do mundo imaginário.

A ação, organizada pela Gerência do HE, mobilizou os colaboradores, sobretudo os 12 que encarnaram os personagens, e contou com o apoio de parceiros externos, que viabilizaram a homenagem. Mesmo escondidos pelas máscaras de proteção contra o vírus, foi visível a emoção dos profissionais da instituição. Na celebração do seu dia, e no ano em que o coronavírus pegou a todos de surpresa, exigindo cuidados e prevenção nem sequer bem conhecidos, os enfermeiros e técnicos de enfermagem têm feito a diferença no mundo. Junto a eles, os médicos, as equipes de higienização, nutrição, enfim, todos que estão nos hospitais e postos de saúde.

Heróis da vida

Entrar no seu ambiente de trabalho e ser saudado, respeitosa e solenemente, por heróis queridos das pessoas, mostra o quanto o “papel” dos heróis da vida real é relevante. O reconhecimento foi mais do que merecido e emocionou quem passou pelo local. “Aquela homenagem foi um grande encontro de almas. As minhas forças renovaram-se e cada batida do meu coração ia ao encontro de cada um dos Super heróis que nos receberam”, destacou Sílvia Letícia que diz ter muito orgulho da equipe. “A equipe é maravilhosa e tenho certeza que juntos somos fortes”.

O envolvimento dos colegas de vários setores do hospital e dos apoiadores da ação ( Loja Disfarce Mania de Lajeado e DJ Floydy; o saxofonista Ivan Eidelwein, que encantou com seus acordes; Harry Ruckert e Unimed Vale do Taquari, que doaram bombons e chocolates) evidencia a generosidade dos profissionais que estão na linha de frente nesse momento, colocando sua própria vida a serviço de outras pessoas.